COMO VENCER O FANTASMA DO MEDO

COMO VENCER O FANTASMA DO MEDO
maio 09 17:40 2016 Imprimir Este artigo

Primeiramente vamos analisar sobre o medo, observamos que o medo é resultado de inimigos internos, ele vem acompanhado inicialmente da indecisão, gerando dúvidas e consequentemente enraíza o tão temido medo.
Vejamos nos versos da música de Lenine e Julieta Venegas – Miedo :
“ … O medo que da medo do medo que dá!
O medo é uma linha que separa o mundo,
O medo é uma casa aonde ninguém vai.
O medo é como o laço que aperta em nós,
O medo é força que não me deixa andar.
… O medo circulando nas veias ou em rota de colisão.
O medo é do Deus ou do “ Demo”, é ordem ou é confusão?
O medo é medonho, o medo domina, o medo é a medida da indecisão.
O medo que da medo do medo que dá!…”

Observa-se claramente que a indecisão é o projeto inicial do medo.
Para se combater um inimigo devemos conhece-lo, saber seu nome, seus hábitos, local, origem. Devemos traçar estratégias, metas e fazer sacrifícios. Ninguém vai para uma guerra sem estudar minuciosamente seus adversários, territórios, brechas, pontos fortes e fracos. No entanto, com seus medos não será diferente, combater seus medos é uma batalha diária, vencendo batalhas você vencerá sua guerra interior.

Esteja disposto a vencer seus medos, pare um momento, avalie seus reais sentimentos, as raízes que causaram tantos prejuízos e paralizaram seus sonhos, encontre tudo que o bloqueia seu desenvolvimento pessoal, profissional, espiritual, familiar. Faça perguntas a si mesmo, por exemplo: Por que esses sentimentos e pensamentos ocupam minha mente? De onde surgiu esse bloqueio? Por que tenho pânico em pensar em determinado assunto? Somente você achará essas respostas.

Esse vilão chamado medo, produz sérios danos em nossas vidas, como depressão, síndrome do pânico, levando até ao suicídio.

Como disse em uma batalha, numa guerra requer sacrifícios, o que você está disposto a sacrificar? Sua vida, se permanecer dessa forma? Ou lutar, sair com algumas feridas e conseguir se superar?

Todo ser humano passa por momentos de temor. Os medos assombram todos os cidadãos, posso especificar alguns mais comuns, como o medo da pobreza, o medo das críticas, medo das doenças, medo de perder o amor de alguém, medo da velhice, medo da morte, dentre milhares de outros medos.

Pense, que o medo não passa de um estado de espírito, o qual devemos controlar e canalizar. O ser humano é capaz de controlar seus pensamentos, um ser humano de controle absoluto conclui que o medo pode ser dominado. Então seja esse domador do medo!

Seja qual for seu medo, o primeiro passo é revoltar-se com a situação vivida até este momento, recuse-se a aceitar esse tipo de paralização.

Enfrentar seus inimigos internos gerará uma forte proteção sentimental criando bloqueios contra sentimentos nocivos. Mantenha uma mente sã, mantendo distante o negativismo, pessimismo, evitando palavras como “ não consigo”, “não posso”, “não sou capaz”, “sou inferior”, “irão rir de mim”, “não tenho talento”, etc. Verifique qual o ambiente que atrai essas sensações, pensamentos e fuja rapidamente.

Infelizmente não existe receita de bolo, simpatia, mandinga, mágica ou qualquer coisa do gênero que possa fazer o medo ser abduzido de nossas vidas. O medo é uma bússola que deve ser usada com equilíbrio, como costumo dizer, nada em excesso faz bem.

Contudo, há algo extremamente poderoso que pode ser usado para combater o medo quando está em desequilíbrio, nada mais é que sua Fé.

Independente de sua crença, a fé é o que move nossa vida, a bíblia diz em Hebreus 11:1 :
“ Ora a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que não se ve”

Neste mesmo entendimento a Bíblia em 2 Timóteo 1:7 , enfatiza:
“ Porque Deus não nos Deus espírito de covardia (medo, temor), mas de poder, de amor e de moderação”.

Se tudo isso é mandamento por que insistir em se amedrontar diante das dificuldades? Tenha fé, usando-a em forma de atitude, ação e ousadia, o medo desaparecerá, e seu interior será invadido com segurança, felicidade, confiança, força, autoridade, o qual sempre almejou conquistar.

Somente nós temos o controle de nossos pensamentos, ação e o poder de mudar tudo ao nosso redor sejam interiormente ou exteriormente.

Basta praticar e viver sua vida sem qualquer resquício nocivo, sem qualquer medo! Cabe agora a cada um obter a consciência que pode conquistar a tão sonhada alegria e paz de espírito.

Como é poderosa a mente humana, ela tanto constrói, como destrói. Qual será sua escolha?

73355_473137786086091_576918836_n

Fernanda Vilela
Coach de alta performance, palestrante, e advogada.

  Categorias:
veja mais artigos

Sobre o Autor

Edson Lima
Edson Lima http://www.bancodepersonalidades.com.br

Palestrante, coach, consultor de empresas, e escritor.

Ver Mais Artigos

Seja o primeiro a comentar. Vamos adorar!

Você pode ser o primeiro a escrever um comentário .

Adicionar um comentário

Deixe uma resposta