Por que preferimos deixar as coisas para depois?

Por que preferimos deixar as coisas para depois?
novembro 18 10:14 2016 Imprimir Este artigo

Vamos fechar a semana refletindo sobre: Por que preferirmos deixar as coisas para depois?

Resolvemos, durante esta semana, falar de algo necessário para o sucesso na vida pessoal e profissional. Uma palavra simples, mas que, às vezes, não é colocada em prática: a AÇÃO! Ela é tão essencial nas nossas vidas, que falamos sobre a importância de agir nos posts de segunda e no de quarta-feira.

_dsc7031

Nosso objetivo hoje é mostrar as consequências emocionais que o deixar para depois gera em nosso dia a dia, vamos ver?

Você já deixou para depois alguma coisa? E isso não gerou ainda mais acúmulo de coisas para serem feitas? Ou gerou um sentimento ruim do tipo: hmmm, ainda não resolvi isso. Se a resposta for positiva, bem-vindo (a) à vida da maioria. Segundo especialistas, 80% das pessoas procrastinam com certa frequência e 99% de vez em quando.

Procrastinar, que significa deixar para depois, é um hábito super comum entre as pessoas. Quem nunca adiou a visita ao médico? Ou deixou para comprar os presentes de Natal na véspera? Imposto de Renda para a última hora? E lavar a louça quando não há mais nada limpo para usar?

Podemos procrastinar sentimentos também: o posicionamento não feito? A decisão adiada? E assim por diante.

Nosso objetivo hoje é mostrar as consequências que o deixar para depois gera em nosso dia a dia, vamos ver?

1 – Quanto mais novo, mais coisas são deixadas para depois: A idade das pessoas tem influência na frequência de procrastinar. Quando mais velho, menos procrastinação.

2 – É cultural: Esse hábito também pode ser medido culturalmente, ou seja, observe sua cidade, região, família, amigos, enfim…   observe. Será que estamos repetindo o mesmo padrão?

3 – Desconforto com a mudança: Deixar de lado a procrastinação é considerado algo difícil, devido à sensação de conforto que ela gera. Mas já está na hora de avaliarmos melhor o “conforto”, não acha?!

4 – Pode ser considerado um problema: Quando realizada por muito tempo. Fica a dica!

5 – Julgamento: Algumas pessoas se sentem culpadas após procrastinarem uma tarefa. E culpa é um sentimento ruim, vamos fazer acontecer para nos sentirmos felizes?

Quais são as causas da Procrastinação?

1 – Dificuldades no gerenciamento do tempo;

2 – Medo de falhar;

3 – Falta de concentração e foco;

4 – Falta de interesse; e

5 – Falta de clareza sobre o futuro.

Conheça o que podemos lhe oferecer:

Life Design & Coaching

Curso online: 27 dias para mudar a minha vida.

Ambos os produtos são sensacionais para abandonar de vez as causas que nos levam a procrastinar.

Vamos começar agora a AGIR na direção de uma vida com mais FOCO NA AÇÃO?

Ótimo final de semana,

Com carinho

Re Mattia – Equipe Vanessa Tobias
Source: Vanessa Tobias

  Tags desta publicação:
  Categorias:
veja mais artigos

Sobre o Autor

Vanessa Tobias
Vanessa Tobias http://vanessatobias.com.br/

Pioneira em processos de Life Coaching em grupo no Brasil, foi Vencedora do prêmio Mulheres que Fazem a Diferença da ACIF em 2012. Mestre em Administração pela ESAG, possui cursos internacionais com os principais nomes da sua área. Uma apaixonada pela educação, fundou um Instituto que atendeu em apenas 1 ano de atuação, 9 escolas de todo o estado de SC. Atendeu mais de 1.300 coachees em seus 5 anos de atuação, e também empresas como a Intelbrás, a Alto QI, a UFSC, a Secretaria de Educação de Florianópolis, e a RBS TV.

Ver Mais Artigos

Seja o primeiro a comentar. Vamos adorar!

Você pode ser o primeiro a escrever um comentário .

Adicionar um comentário

Deixe uma resposta