Quanto mais doamos mais recebemos!

Quanto mais doamos mais recebemos!
dezembro 07 08:49 2015 Imprimir Este artigo

Excelente dia!!!
Nesse espaço onde coloco meus pontos de vista sobre vários assuntos e em especial à nossa transformação pessoal e ao Coaching como agente de mudanças, me permito hoje compartilhar com vocês algumas coisas que vi e aprendi nesse fim de semana.
Em visita a Cuiabá, tive grandes aprendizados e o maior deles foi a certeza de que servir ao outro, nos doarmos a uma causa benéfica, levar alegria, conhecimento, alimento físico e espiritual a crianças, jovens, adultos e idosos; é sem dúvida uma forma de também repensarmos nossa vida.

Por que sofremos tanto? Por que somos tão apegados a pessoas, a relacionamentos, a sentimentos e a sensações? Por que não acordamos com um sorriso no rosto todos os dias? Por que precisamos reclamar tanto?
Não estou defendendo aqui um desapego radical de nada, mas se pararmos pra pensar, o que realmente precisamos para sermos felizes?
Cada um terá uma resposta de acordo com a realidade em que vive.
Em um trabalho voluntário em que participo semanalmente aqui na minha cidade, a alegria de uma criança é ter uma barra de Salame pra comer no fim do ano (falo porquê já recebi esse pedido), enquanto para outros, a alegria é um Smartphone de última geração. Independente de qual seja a realidade, a verdade é que quaisquer uma dessas coisas trazem alegrias momentâneas, pois o salame acaba e a vida de arroz, feijão e farinha vai continuar por mais um ano e o Smartphone será substituído por outro melhor e com mais funções.
Mas e a felicidade? O que a gera?

Acredito firmemente que as junções de várias alegrias que temos vão nos deixando em um estado mais feliz, mas eu até hoje não senti nada que traga mais felicidade do que SERVIR!!!
A sensação é tão intensa que quem sai melhor nem é quem está sendo auxiliado, mas quem auxilia. Quanto mais doamos mais recebemos!!!
Ver o sorriso de uma criança ao ser alimentada pois estava com fome ou quando ganha uma lembrancinha, receber o abraço de uma mãe que teve seu lar visitado por nós pra saber de suas necessidades, ganhar a bênção de uma idosa que ajudamos na rua, percebermos a gratidão de um amigo que pudemos escutar, ver um pai desempregado sorrir ao chegarmos com cestas básicas para passarem a semana sem fome. Tudo isso é de lacrimejar os olhos, mas não de tristeza, mas de uma alegria tão profunda que vai se transformando em uma felicidade ou um estado de vida feliz, onde podemos passar por nossas dificuldades e tristezas, mas sempre com a certeza de que as coisas ficarão bem!!!

Portanto meus amigos, SIRVAM, SE DOEM, se permitam sentir o que é o sorriso de alguém direcionado a você, sinta as boas vibrações quando uma pessoa que se lembra de você sorri e faz uma prece.
Estamos no mundo e precisamos viver as coisas daqui, conquistar o que queremos ou precisamos, estarmos em relação com todas as pessoas, trabalharmos, comprarmos e pagarmos nossas contas, mas não deixemos que isso seja a tônica de nossa vida.

SIRVAM, SIRVAM E SIRVAM!!!! (aliás, a imagem da foto eu vi acontecer esse fim de semana lá em Cuiabá. Lições de cuidado, carinho e humildade).
Na cidade de vocês com certeza há muito a se fazer!!! Procurem e comecem a SERVIR!!!
E vamos com alegria!!!

veja mais artigos

Sobre o Autor

Marcos Costa
Marcos Costa http://marcoscostacoach.com.br/

Profissional e Musical Coaching. Acordar sonhos adormecidos, atingir metas, ser uma pessoa melhor, planejar e ter foco! Isso é Coaching!

Ver Mais Artigos

Seja o primeiro a comentar. Vamos adorar!

Você pode ser o primeiro a escrever um comentário .

Adicionar um comentário

Deixe uma resposta